O beiro Online
PDF Imprimir E-mail
Sex, 30 de Agosto de 2013 11:34

Aldeia esteve cercada pelo fogo e foram retirados alguns idosos para a secção de S. João do Monte

A nossa reportagem andou por terras de Mosteirinho, freguesia que, por força da lei, se vai unir a S. João do Monte, que foi sede do concelho serrano no final do século XIX, a que aquela paróquia pertencia e que foi sempre um burgo quase esquecido dos poderes públicos, sendo ainda hoje uma região com orologia de território de difícil acesso, pelos seus vales fundos e vias estreitas e íngremes.

É neste quadro que o território se viu envolvido, nos dias 29 e 30 de Agosto, pelos acontecimentos dramáticos advindos do calamitoso incêndio florestal que lavrou na Serra do Caramulo, nascido logo depois de um outro que lavrou cerca de duas semanas, nas proximidades de Caselho, Pedronhe, Carvalhal da Mulher, Silvares, Muna de Besteiros, Paranho e Santiago de Besteiros, no qual morreram três bombeiros, entre eles duas jovens.

Além de que a devastação florestal é imensa e irrecuperável nos próximos anos, sendo certo que um eucalipto para corte, demora 9 anos a formar-se.

No dia 29, à tardinha, estivemos num local servido pela língua de alcatrão que, de Malhapão de Cima, conduz a Frágua e a Mosteirinho, por um lado e à Corte e Freimoninho, por outro e que serve, também, o Teixo e outras povoações da freguesia de S. João do Monte.

Os bombeiros de Tondela ficaram ali acantonados, junto a um tanque de água, com algumas viaturas, onde se via um helicóptero de uma empresa de celulose a operar nas imediações, tentando que o fogo não se encaminhasse para uma zona onde existe uma quase inacessível área florestal, de onde recebe madeira.

O fogo foi ali controlado e a corporação de Tondela preparava-se para regressar ao quartel, “para carregar baterias”, como dissera o comandante.

ALDEIA DE MOSTEIRINHO CERCADA PELO FOGO

Carlos Jorge, comandante dos Bombeiros Voluntários de Tondela, que acabara por passar pelas “brasas”, devido a uma noite mal dormida, junto ao tanque de água onde o helicóptero da celulose se abastecia, disse à nossa reportagem que um bombeiro seu lhe teria ligado a informar que uma senhora de Mosterinho lhe teria participado, muito aflita, porque “havia problemas” na aldeia”.

“Achámos por bem que, antes de nos irmos embora, haveríamos de ver que problemas eram esses”, lembrou o comandante. “Felizmente verificámos que não eram problemas graves, porque o pior já tinha passado, o fogo passou em volta da aldeia e foi-se embora”, referiu.

Bombeiro há dois anos, “nunca tinha assistido a um desenvolvimento tão rápido das chamas. Para mim foi uma grande surpresa, nem imaginava que ele pudesse desenvolver-se com tanta rapidez como foi esta noite (28 de Agosto)”, sustentou Toda a aldeia ficou cercada pelo fogo, havendo momentos de pânico, pois as pessoas, ao verem as suas casas e os seus haveres rodeados de fogo, “não é propriamente o cenário mais agradável”.
Quando os bombeiros de Tondela lá chegaram, os serviços de Protecção Civil da Câmara Municipal de Tondela, procediam à evacuação, para a secção de S. João do Monte dos Bombeiros Voluntários de Campo de Besteiros, de alguns dos idosos, aqueles mais debilitados, “devido à densa cortina de fumo que pairava sobre a aldeia”, enfatizou Carlos Jorge.

Quanto ao fim das operações de ataque ao fogo, Carlos Jorge não quis fazer previsões, dizendo que tanto poderia ser de um momento para o outro como “podemos andar aqui mais uns dias, a natureza é assim”, concluiu.

No dia seguinte, o fogo deu tréguas e tudo se acalmou, contudo, o rasto de destruição é desolador e é considerado como o maior desastre ambiental de sempre, ocorrido na Serra do Caramulo.

PREJUÍZOS INCALCULÁVEIS EM TRABALHO DE TRÊS GERAÇÕES

Já ao fundo de Malhapão, nas imediações do fogo, que lavrava, virulento, do outro lado do rio Agadão e, na estrada estreita, encontrava-se com seu filho Fernando, o antigo presidente da Junta de Freguesia de Mosteirinho, Agostinho dos Santos Gonçalves que, com os seus descendentes, é proprietário de vários terrenos com aptidões para a cultura do pinheiro e do eucalipto e que via a arder, sem que nada pudesse fazer para o impedir.

À nossa reportagem lamentava-se do sucedido, pois sem acessos, seria tudo pasto das chamas. “É uma miséria”, disse, “é trabalho de três gerações, dos meus avós, dos meus pais e agora de mim e também a dos meus filhos”, sustentou.

Sobre o montante dos prejuízos, disse que “isso é incalculável, para já é incalculável”, tendo-lhe ardido várias propriedades, para além da floresta, como sejam “terrenos de milho e de pastagem”, tendo afectado, praticamente, “todas as pessoas da aldeia e também de Almofala, do Teixo, aqui desta serra toda”, além do rio, como diz o povo.

 

 

Add comment

RESPONSABILIZAÇÃO DOS AUTORES DE COMENTÁRIOS

Não obstante as regras definidas e a diligência e zelo a que a Direcção de "O Beirão Online" se propõe, não é fácil fazer um controle eficaz, de forma exaustiva dos conteúdos disponibilizados pelos Utilizadores e, por isso, não é possível a "O Beirão Online" garantir a correcção, qualidade, integridade, precisão ou veracidade daqueles.

"O Beirão Online" não é responsável pela conduta difamatória, ofensiva ou ilegal das mensagens expressas nos Comentários. Entendemos que todas as mensagens colocadas nos Comentários expressam unicamente os pontos de vista e opiniões dos seus respetivos autores.

"O Beirão Online" reserva-se o direito de apenas publicar mensagens que visem a promoção do debate e discussão dos temas em concreto, não sendo, por isso, permitidas discussões de carácter pessoal ou insultuoso.

"O Beirão Online" reserva-se ainda o direito de retirar do site, os Comentários ou qualquer mensagem que contrarie as regras que defende para o bom funcionamento deste Jornal online, nomeadamente as de carácter obsceno, maldoso, assediante, difamatório, prejudicial, ameaçador, calunioso, ofensivo, ilegal, racista, sexualmente tendencioso, publicitário e invasivo da privacidade de terceiros.

O Director de "O Beirão Online" tem o direito de remover ou editar qualquer mensagem em qualquer altura que assim julgue necessário. Todas as mensagens são registadas para ajudar a implementar essas condições.

A definição das regras de participação nos comentários enviados para o site, são unilateralmente fixadas pelo Director, numa óptica de proteção dos seus Utilizadores e podem ser, a qualquer momento, revistas.

A DIRECÇÃO


Security code
Refresh

Contactos

967 838 531

zebeirao@obeirao.pt

Relógio

Traduzir

Browse this website in:

Próximos Eventos

Publicidade

oferta.2015.2016
publicidade_cimvdl.jpg
anuncio final-01
cooperativa

Contador Todos

free counters


Display Pagerank

Pesquisar

Últimas

I LIGA: DESP. AVES, 0 – TONDELA, 1
Seg, 11 de Dezembro de 2017
Aves de “asas” cortadas perante um Tondela que soube segurar o resultado Depois de tantas oportunidades de golo para ambos os... Leia mais...
SOLDADO PARAQUEDISTA DE LOBÃO DA BEIRA FOI ABATIDO EM ANGOLA EM 1963 E FICOU SEPULTADO EM LUANDA
Qui, 07 de Dezembro de 2017
Restos mortais de António Silva regressam a Portugal passados 54 anos Os restos mortais de um soldado paraquedista natural de Lobão da Beira... Leia mais...
UM ESPAÇO A VISITAR COM PRESENTES TENTADORES
Seg, 04 de Dezembro de 2017
Um Presente Cheio de Natal e Exposição Colectiva Foram muitos os que aceitaram o convite para a inauguração da já conhecida exposição... Leia mais...
VÍTIMAS DO INCÊNDIO DE ALVARIM VÃO RECEBER MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO
Seg, 04 de Dezembro de 2017
Jantar solidário com aqueles que tudo perderam no incêndio de Outubro A Associação Recreativa e Cultural de Alvarim (ARCA), levou a efeito neste... Leia mais...
1.º DE DEZEMBRO DE 1640 FOI HÁ 377 ANOS
Sáb, 02 de Dezembro de 2017
Tondelenses continuam a comemorar o Dia da Restauração Como é já de tradição há muitos anos, um grupo de tondelenses não deixa de comemorar,... Leia mais...
INCÊNDIO MALDITO DE 15 DE OUTUBRO DEIXA MARCAS PROFUNDAS
Ter, 31 de Outubro de 2017
Presidente do Município de Tondela contabiliza prejuízos de 30 milhões de euros !! O presidente do Município de Tondela, José António de Jesus,... Leia mais...
MORREU O MAIOR HUMANISTA DE SEMPRE DO CONCELHO DE TONDELA
Sáb, 30 de Setembro de 2017
Luto municipal em homenagem a João Almiro Já com provecta idade, faleceu no dia 28 de Setembro, o Dr. João Almiro de Melo Meneses e Castro (João... Leia mais...
CASTELÕES – A “CAPITAL” DA LARANJA DE BESTEIROS
Qui, 10 de Novembro de 2016
Feira da Castanha traz animação e alegria a Múceres No dia 6 de Novembro, realizou-se a já tradicional Feira da Castanha, em Múceres, freguesia... Leia mais...
CONCURSO DO “BEIRÃO ONLINE” - GANHE UM LIVRO QUE É UM HINO À SERRA DO CARAMULO
Sex, 22 de Julho de 2016
 CONCURSO "CARAMULO-a mais linda Serra” (65) Beirão online, com o apoio do Município de Tondela, continua com o  concurso "CARAMULO... Leia mais...
ESTATUÁRIA DA CIDADE MAIS ENRIQUECIDA COM A REPOSIÇÃO DA LENDA DE “TOM-D’ELLA”
Qui, 14 de Julho de 2016
Mulher tondelense chama os homens bons ao combate por uma cidade melhor Ao “tom-d'ella”, a cidade ganha novos contornos de progresso e... Leia mais...
CARAMULO/GUARDÃO
Ter, 12 de Julho de 2016
Caramulo a “mexer” com música e caminhada na “Rota dos Caleiros” A zona serrana do Caramulo continua a mexer, através de... Leia mais...
UM HINO À SERRA DO CARAMULO
Ter, 21 de Junho de 2016
“ C A R A M U L O – a magia da serra e das gentes”, um novo livro de Zé Beirão Joaquim Duarte Pereira, que na escrita usa o nome... Leia mais...
UM CASO DE SUCESSO NA IMPRENSA ONLINE !!!
Dom, 21 de Fevereiro de 2016
B E I R Ã O   O N L I N E JORNALISMO PROFISSIONAL RESPONSÁVEL Não é blogue... é um jornal a sério !!  Mais de 25.000 novos visitantes... Leia mais...
O PAÍS QUE TEMOS
Qui, 11 de Fevereiro de 2016
Brincadeira de mau gosto António Costa mascarou-se de padre-cura em púlpito dominical e desatou a dar conselhos naquele tique irritante do Estado... Leia mais...
CARNAVAL EM CANAS
Qui, 11 de Fevereiro de 2016
A alegria das crianças no desfile carnavalesco Evento de impacto com a participação directa ou indirecta da população Leia mais...
O PAÍS QUE TEMOS
Ter, 09 de Fevereiro de 2016
Muita promessa, pouca uva: guia do fracasso da esquerda Prometeram, prometeram e depois ainda prometeram mais, mas o certo é que por todo o mundo o... Leia mais...
BRISA DO MAR
Dom, 07 de Fevereiro de 2016
O preço da mentira A montanha pariu um rato   Surpresa só para quem ainda acredita no Pai Natal. O oportunismo, o golpismo e outros termos com o... Leia mais...

Publicidade

logo-emissora.jpg
eptondela.png
mota.jpg

Ligações Recomendadas

recomendados-presente.jpg
419644_401563586601295_1266311870_n.png

Identificação



Siga-nos

feed-image Feed Entries