O beiro Online
PDF Imprimir E-mail
Escrito por Zé Beirão   
Ter, 12 de Agosto de 2014 14:15

Guardo agradece a Casteles a sua ajuda na expulso dos mouros

sao lourenco casteloes 1 No dia 10 de Agosto, como de tradio ancestral, o Largo de So Loureno, ali beira da estrada que, do Campo de Besteiros, conduz ao Caramulo, em territrio da povoao de Vila de Rei, freguesia de Casteles, encheu-se de gente para confraternizar, sob frondosas rvores, degustando as vitualhas oferecidas pela comisso organizadora, cumprindo uma promessa das gentes do Guardo, que agradecer a Casteles a sua ajuda na expulso dos mouros, segundo uma das lendas, sobre o acontecimento.

comissao de sao lourenco 2014 H mais de 200 anos, segundo o Jos Salvador Marques (Prior), do Guardo e membro da comisso, apareceu uma grande praga de gafanhotos, nos campos do territrio do Guardo, que destruiu todas as colheitas. Se a praga passasse, a freguesia do Guardo prometeria ir todos os anos Senhora do Campo, em procisso, no dia de S. Loureno, enquanto o mundo fosse mundo.

Depois da missa, as pessoas vinham para o Parque de So Loureno, em Casteles, confraternizando pela tarde fora, como aconteceu este ano.

sao loureno 2Em tempos mais antigos, ainda segundo o Jos Prior, as gentes fidalgas da Quinta da Cruz, ento casa abastada, oferecia comida e bebida a quem aparecia naquele lugar, em dia de So Loureno. Como j no existem esses grandes senhores para oferecer comida, o povo do Guardo continua a manter a tradio, oferecendo comida e bebida a quem aparecer, como aconteceu em 2014.

CASTELES a ltima freguesia a ajudar na expulso dos mouros

extraco do carneiroUma verso diferente, tem-na o actual presidente da Junta de Freguesia de Casteles, Gonalo Pereira, que situa o princpio desta festa de So Loureno, como advinda de um acto de coragem e bravura das gentes das freguesias de Santiago, Santa Eullia e Cssteles que, com as do Guardo, ajudaram a expulsar os mouros, que estavam acantonados no castro de So Bartolomeu, no alto da Serra do Caramulo.

a laranja de casteles nao podia faltarA ltima freguesia a ajudar nessa expulso, foi a de Casteles, como diz a lenda, atravs de homens altos e possantes e que, em agradecimento a essa ajuda, as gentes do Guardo vo, desde essa altura, em procisso Capela da Senhora do Campo, onde celebrada uma missa de aco de graas e, no final, realizada, atravs de uma comisso auto-mobilizada, uma festa de convvio entre as gentes destas freguesias.

Assim aconteceu este ano, em dia So Loureno, tendo a comisso oferecido uma sardinhada e fv DSCsao lourenco 7 5580 eras, regadas pelo vinho da regio, que decorreu animadamente pela tarde fora, vindo pessoas at de fora das freguesias envolvidas, a quem facultada a prerrogativa de se associarem degustao.

Para ajudar s despesas, foram sorteadas vrias prendas, entre elas um carneiro vivo, que um petisco bom para caldeirada.

A praga de gafanhotos, que dizimaria as colheitas, teria feito muita fome no Guardo e, para o atestar, foi instalada uma placa indicativa dessa fome, bem visvel num penedo e que contraria uma das lendas que, sem dvida, valem o que valem...

O ano da placa o de 1682, o quer dizer que a promessa tem, nada menos, de 332 anos, o que sempre mais de 200, como disse o Jos Prior.

sao lourenco guardao 2 SO LOURENO NA HISTRIA

No ano 257, o imperador romano Valeriano ordenou uma perseguio contra os cristos, parecendo branda no incio, mais branda do que a imposta por Dcio e com uma conotao repressora, porque proibia as reunies dos cristos, fechando os acessos s catacumbas, exilava os bispos e exigia respeito nos ritos pagos.

Contudo, no obrigava a renegar a f publicamente e, no ano seguinte, Valeriano ordenou que os bispos e os padres fossem todos mortos. Loureno, na ocasio, era o arcediago do papa Xisto II, isto , o primeiro dos sete diconos a servio da Igreja de Roma.

Dados da sua vida anterior a esse perodo, nunca foram encontrados. Porm, devia ter uma boa formao acadmica, pois seu cargo era de muita responsabilidade e importncia. Depois do papa, era Loureno o responsvel pela Igreja, o que quer dizer que ele era o assistente do papa nas celebraes e na distribuio da eucaristia e tambm o nico administrador dos bens da Igreja, cuidando das construes dos cemitrios, igrejas e da manuteno das obras assistenciais destinadas ao amparo dos pobres, rfos, vivas e doentes.

A partir do decreto de Valeriano, os bispos comearam a ser executados e um dos primeiros foi Cipriano de Cartago, que morreu em 258 e, logo em seguida, foi a vez de Xisto II ser executado, junto com os outros diconos.

Conta a tradio que Loureno conseguiu conversar com o para Xisto II um pouco antes dele morrer, o qual lhe ter pedido para fazer a distribuio aos pobres de todos os seus pertences e os da Igreja tambm, pois temia que cassem nas mos dos pagos.

Loureno foi preso e levado presena do governador romano, Cornlio Secularos, justamente para entregar todos os bens que a Igreja possua, tendo Loureno pedido um prazo de trs dias, pois como confessou, a riqueza era grande e tinha de fazer o balano completo, obtendo o consentimento.

Assim, rapidamente, distribuiu tudo aos pobres e, quanto aos livros e objectos sagrados, cuidou para que ficassem bem escondidos. Em seguida, reuniu um grupo de cegos, rfos, mendigos, doentes e colocou-os na frente de Cornlio, dizendo: Pronto, aqui esto os tesouros da Igreja. Irado, o governador mandou que o amarrassem sobre uma grelha, para ser assado vivo e lentamente.

O suplcio cruel no demoveu Loureno de sua f. Segundo uma narrativa de Santo Ambrsio, Loureno teria ainda encontrado disposio e muita coragem para dizer ao seu carrasco: Vira-me, que j estou bem assado deste lado.

Loureno morreu no dia 10 de Agosto de 258, rezando pela cidade de Roma. A populao mostrou-se muito grata a So Loureno que, pelo seu feito, chamado de prncipe dos mrtires.

SO LOURENO tem a sua imagem na Igreja do Guardo. Como se pode ver, consigo, tem a grelha, smbolo do seu martrio.


 

Add comment

RESPONSABILIZAÇÃO DOS AUTORES DE COMENTÁRIOS

Não obstante as regras definidas e a diligência e zelo a que a Direcção de "O Beirão Online" se propõe, não é fácil fazer um controle eficaz, de forma exaustiva dos conteúdos disponibilizados pelos Utilizadores e, por isso, não é possível a "O Beirão Online" garantir a correcção, qualidade, integridade, precisão ou veracidade daqueles.

"O Beirão Online" não é responsável pela conduta difamatória, ofensiva ou ilegal das mensagens expressas nos Comentários. Entendemos que todas as mensagens colocadas nos Comentários expressam unicamente os pontos de vista e opiniões dos seus respetivos autores.

"O Beirão Online" reserva-se o direito de apenas publicar mensagens que visem a promoção do debate e discussão dos temas em concreto, não sendo, por isso, permitidas discussões de carácter pessoal ou insultuoso.

"O Beirão Online" reserva-se ainda o direito de retirar do site, os Comentários ou qualquer mensagem que contrarie as regras que defende para o bom funcionamento deste Jornal online, nomeadamente as de carácter obsceno, maldoso, assediante, difamatório, prejudicial, ameaçador, calunioso, ofensivo, ilegal, racista, sexualmente tendencioso, publicitário e invasivo da privacidade de terceiros.

O Director de "O Beirão Online" tem o direito de remover ou editar qualquer mensagem em qualquer altura que assim julgue necessário. Todas as mensagens são registadas para ajudar a implementar essas condições.

A definição das regras de participação nos comentários enviados para o site, são unilateralmente fixadas pelo Director, numa óptica de proteção dos seus Utilizadores e podem ser, a qualquer momento, revistas.

A DIRECÇÃO


Security code
Refresh

Contactos

967 838 531

zebeirao@obeirao.pt

Relógio

Traduzir

Browse this website in:

Próximos Eventos

Publicidade

oferta.2015.2016
publicidade_cimvdl.jpg
anuncio final-01
cooperativa

Contador Todos

free counters


Display Pagerank

Pesquisar

Últimas

ÚLTIMA HORA. INCÊNDIOS TRÁGICOS. OUTUBRO 2017
Qua, 18 de Outubro de 2017
Administração Interna, cai !!  Morreram três pessoas no concelho de Tondela e arderam 100 casas Finalmente alguma chuva Chegam-nos informações... Leia mais...
VENTOS FORTES AJUDARAM À RÁPIDA PROPAGAÇÃO DAS CHAMAS NA CIDADE E REGIÃO
Ter, 17 de Outubro de 2017
INCÊNDIO INFERNAL deixa rasto de destruição !! A história repete-se. O  pesadelo dos incêndios regressou, em força, à zona centro do país e... Leia mais...
CENTRO SOCIAL DO TOURIGO COM NOVAS RESPOSTAS SOCIAIS
Sáb, 14 de Outubro de 2017
“O sonho dá corda aos anos” em seminário No âmbito da dinamização das suas actividades, o Centro Social do Tourigo – IPSS,... Leia mais...
ALUNOS DA ESCOLA PROFISSIONAL DE TONDELA GRATOS ÀQUELES QUE LHES ABREM OS CAMINHOS DO SABER
Ter, 10 de Outubro de 2017
Educadores foram “estrelas da manhã” no Dia Mundial do Professor na EPT O Dia Mundial do Professor pretende homenagear todos os que... Leia mais...
VII CAPÍTULO DA CONFRARIA DOS CAROLOS E PAPAS DE MILHO DE CANAS DE SANTA MARIA NA SERRA E NA CIDADE
Seg, 09 de Outubro de 2017
Carolos e vinhos do Dão num belo dia de cultura, gastronomia e turismo !! Neste último sábado, dia 7 de Outubro, foi realizado, com o maior... Leia mais...
ALGUNS INCÊNDIOS ECLODEM MESMO EM NOITES FRESCAS !!
Seg, 09 de Outubro de 2017
PJ deteve suspeito de atear 9 fogos em Tondela A Polícia Judiciária (PJ) anunciou esta segunda-feira (9 de Outubro) a detenção de um homem de 52... Leia mais...
MORREU O MAIOR HUMANISTA DE SEMPRE DO CONCELHO DE TONDELA
Sáb, 30 de Setembro de 2017
Luto municipal em homenagem a João Almiro Já com provecta idade, faleceu no dia 28 de Setembro, o Dr. João Almiro de Melo Meneses e Castro (João... Leia mais...
CASTELÕES – A “CAPITAL” DA LARANJA DE BESTEIROS
Qui, 10 de Novembro de 2016
Feira da Castanha traz animação e alegria a Múceres No dia 6 de Novembro, realizou-se a já tradicional Feira da Castanha, em Múceres, freguesia... Leia mais...
CONCURSO DO “BEIRÃO ONLINE” - GANHE UM LIVRO QUE É UM HINO À SERRA DO CARAMULO
Sex, 22 de Julho de 2016
 CONCURSO "CARAMULO-a mais linda Serra” (60) Beirão online, com o apoio do Município de Tondela, continua com o  concurso "CARAMULO... Leia mais...
ESTATUÁRIA DA CIDADE MAIS ENRIQUECIDA COM A REPOSIÇÃO DA LENDA DE “TOM-D’ELLA”
Qui, 14 de Julho de 2016
Mulher tondelense chama os homens bons ao combate por uma cidade melhor Ao “tom-d'ella”, a cidade ganha novos contornos de progresso e... Leia mais...
CARAMULO/GUARDÃO
Ter, 12 de Julho de 2016
Caramulo a “mexer” com música e caminhada na “Rota dos Caleiros” A zona serrana do Caramulo continua a mexer, através de... Leia mais...
UM HINO À SERRA DO CARAMULO
Ter, 21 de Junho de 2016
“ C A R A M U L O – a magia da serra e das gentes”, um novo livro de Zé Beirão Joaquim Duarte Pereira, que na escrita usa o nome... Leia mais...
UM CASO DE SUCESSO NA IMPRENSA ONLINE !!!
Dom, 21 de Fevereiro de 2016
B E I R Ã O   O N L I N E JORNALISMO PROFISSIONAL RESPONSÁVEL Não é blogue... é um jornal a sério !!  Mais de 25.000 novos visitantes... Leia mais...
O PAÍS QUE TEMOS
Qui, 11 de Fevereiro de 2016
Brincadeira de mau gosto António Costa mascarou-se de padre-cura em púlpito dominical e desatou a dar conselhos naquele tique irritante do Estado... Leia mais...
CARNAVAL EM CANAS
Qui, 11 de Fevereiro de 2016
A alegria das crianças no desfile carnavalesco Evento de impacto com a participação directa ou indirecta da população Leia mais...
O PAÍS QUE TEMOS
Ter, 09 de Fevereiro de 2016
Muita promessa, pouca uva: guia do fracasso da esquerda Prometeram, prometeram e depois ainda prometeram mais, mas o certo é que por todo o mundo o... Leia mais...
BRISA DO MAR
Dom, 07 de Fevereiro de 2016
O preço da mentira A montanha pariu um rato   Surpresa só para quem ainda acredita no Pai Natal. O oportunismo, o golpismo e outros termos com o... Leia mais...

Publicidade

logo-emissora.jpg
eptondela.png
mota.jpg

Ligações Recomendadas

recomendados-presente.jpg
419644_401563586601295_1266311870_n.png

Identificação



Siga-nos

feed-image Feed Entries