CD TONDELA QUEBROU “ENGUIÇO” NA MADEIRA com primeira vitória no campeonato

Um penalti providencial, aos 90 minutos, convertido com eficácia, deu a primeira vitória dos auriverdes na presente temporada da I Liga, frente a um Marítimo que, igualmente, lutou pelos três pontos.

Com a preciosa vitória (2-3) num campo difícil, onde nunca tinha passado até agora, a formação que defende o emblema de Tondela quebrou um “enguiço “ de quatro temporadas, o que passou a ser um feito histórico, embora sofrido.  

Segundo o site da Tondela SAD, “costuma-se dizer que quando é sofrido tem outro sabor, e assim foi”, ao vencer este domingo à noite (25 de Agosto), na casa do Marítimo, num jogo onde estiveram a vencer por 0-2, sofreram o empate em seis minutos, por erros defensivos, mas reagiram e fizeram o terceiro golo aos 90 minutos, que iria garantir os consequentes três pontos.

Numa equipa com três alterações em relação à última jornada, Natxo González viu o Tondela ser novamente uma equipa com personalidade, qualidade na posse de bola e sempre com instinto de acercar-se da área adversária. À beira do intervalo e sequência de uma falta sobre Jhon Murillo, Deni Jr bateu da marca dos 11 metros e fez o 0-1.

A segunda parte trouxe um Marítimo a correr atrás do marcador, mas foram os beirões a aumentar a contenda, quando João Pedro, acabado de entrar, fez o 0-2 aos 66 minutos.

Não acautelando, como deveria ter sido, o último reduto beirão, os madeirenses conseguiram chegar à igualdade em apenas seis minutos.

Com 2-2 no marcador e com o estádio a acreditar num terceiro tento dos ilhéus, o Tondela não se atemorizou e foi atrás da primeira vitória na “Pérola do Atlântico” e, assim, aconteceu. De novo de grande penalidade, aos 90’, Richard bateu a contar e fez o 2-3 final, que demonstrou, e reforçou, os bons sinais de a equipa quer crescer mais.

DOMINGO, NOVO TESTE !

No próximo domingo, 1 de Setembro, o CD Tondela tem um novo teste ao seu crescimento, recebendo, pelas 16 horas, no seu estádio, a poderosa equipa do Santa Clara, onde só a vitória lhe garante os pontos que, durante a presente temporada, a ajudarão a manter-se na Liga maior do futebol português e que, a acontecer, seria pelo 5.º ano consecutivo.

  • JOGO: Estádio do Marítimo, Funchal
  • ASSISTÊNCIA: Cerca de 5 mil espectadores
  • ÁRBITRO: André Narciso
  • RESULTADO AO INTERVALO: 0-1
  • DISCIPLINA: Cartão amarelo a Pepelu (26’), Cláudio Ramos (66’), Yohan Tavares (71’), Moufi (82’), Charles (83’), Barrera (86’), Pité (90’+5);
  • MARCADORES: 0-1 Denilson, 45+1 minutos (gp); 0-2 João Pedro, 66’; 1-2 Rodrigo Pinho, 70; 2-2 Daizen Maeda, 76; 2-3 Richard Rodrigues, 90’ (gp) 

MARÍTIMO, 2

  • Charles, Nanu (Rodrigo Pinho, 69’), Zainadine, Dejan Kerkez, Rúben Ferreira, Franck Bambock, Vukovic (Getterson, 46’), Correa (Barrera, 19’), Jhon Cley, Marcelinho, Daizen Maeda;
  • SUPLENTES: Amir, René Santos, Edgar Costa, Erivaldo, Barrera, Getterson, Rodrigo Pinho.
  • TREINADOR: Nuno Manta.

CD TONDELA, 3

  • Cláudio Ramos, Moufi, Bruno Wilson (Philipe Sampaio, 84’), Yohan Tavares, Filipe Ferreira, Pepelu, Jaquité, Jhon Murillo, Xavier (Pité, 73’), Richard Rodrigues, Deni Jr (João Pedro, 65’);
  • SUPLENTES: Niasse, Pedro Augusto, João Pedro, Pité, Tomislav Strkalj, Jonathan Toro, Philipe Sampaio.
  • TREINADOR: Natxo González.

 RESULTADOS DA 3.ª JORNADA

  • Benfica – Porto 0-2
  • Boavista – P. Ferreira 1-1
  • Gil Vicente – Braga 0-0
  • Guimarães – Famalicão 1-1
  • Marítimo – Tondela 2-3
  • Portimonense – Sporting 1-3
  • Rio Ave – Aves 5-1
  • Santa Clara – Belenenses 0-0
  • Setúbal – Moreirense 0-0

 PRÓXIMA JORNADA (4.ª)

  • Aves – Famalicão
  • Belenenses – Boavista
  • Braga – Benfica
  • Porto – Guimarães
  • P. Ferreira – Marítimo
  • Gil Vicente – Setúbal
  • Moreirense – Portimonense
  • Sporting – Rio Ave
  • TONDELA – Santa Clara

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


Traduzir »