TONDELA DESFALCADO “FACILITA” VITÓRIA DO GUIMARÃES (1-4)

Depois da vitória oito dias antes em Lisboa, na casa do Benfica, por números expressivos, nada iria dizer que o CD Tondela iria ser goleado na recepção ao Vitória de Guimarães

De qualquer modo, não há jogos iguais e todas as equipas são capazes do oito e do oitenta. O Tondela deveria ter-se despedido dos seus adeptos nos jogos em casa na persente temporada, com uma vitória, mas assim não aconteceu e, vez de um resultado positivo, acabou de ser humilhado por um Vitória de Guimarães que até já não vencia fora há cinco meses.

As ausências e castigos, as más abordagens dos atletas locais, com Cláudio Ramos a jogar até com algumas limitações e os falhanços estrondosos da linha defensiva da casa, foram fragilidades que os vimaranenses souberam explorar.

No primeiro golo visitante, Cláudio Ramos fez defesa incompleta que Rafael Martins soube aproveitar muito bem, encostando para o 1.º da sua conta pessoal e da sua equipa. E o mesmo jogador haveria de aproveitar nova ineficácia dos defesas locais, apenas seis minutos depois.

O Tondela tem uma ligeira reacção e J. Delgado reduz para o Tondela, ainda antes do intervalo, com um belo golo de cabeça.

Na parte complementar, a actuação da equipa beirã, continuou a ser péssima, não concretizando algumas jogadas frente ao guardião Miguel Silva.

Catorze minutos depois do intervalo, mais um “desastre”, com os defesas locais a fazerem passes uns para os outros em vez de tirarem a bola das proximidades da sua baliza e, um choque de Ricardo Costa com um avançado visitante, dentro da área, dá penalti um tanto ou quanto forçado e Hurtado concretiza, facturando o terceiro para sua equipa.

O quarto golo, também nasce de mais uma “panelinha” entre a linha defensiva, a mastigar a bola com passes ao aldo e para trás. Vem um avançado visitante, há um choque e a bola fica á mercê de Estupiñán, que fecha a contagem, contornando Cláudio Ramos.

Como muito bem disse Pepa no final do encontro sobre a pesada derrota sofrida no último jogo em casa, “só temos de nos queixar de nós próprios”…

De qualquer modo, o Desportivo de Tondela já tinha assegurado a sua manutenção e, com ela, estão todos de parabéns, direcção, treinador, jogadores e massa associativa e simpatizante.

  • JOGO: Estádio João Cardoso, em Tondela
  • ESPECTADORES: 3206
  • ÁRBITRO: Hélder Malheiro
  • AUXILIARES: Bruno de Jesus e Jorge Cruz
  • 4.º ÁRBITRO: Carlos Espadinha
  • VAR: Bruno Paixão; AVAR: Venâncio Tomé
  • RESULTADO FINAL: 1-4
  • AO INTERVALO: 1-2
  • MARCADORES: Rafael Martins (2) aos 33’ e 39’; J. Delgado (45+3’); P. Hurtado (59’ p) e O. Estupiñán 89’)
  • DISCIPLINA: Cartão amarelo para Pedrão (50’), Ricardo Costa (58’) e F. Sacko (89’)

TONDELA, 1

  • Cláudio Ramos; David Bruno, Jorge Fernandes, Ricardo Costa e Joãozinho; Bruno Monteiro e Claude Gonçalves; Miguel Cardoso, Pedro Nuno e J. Delgado; Heliardo.
  • SUPLENTES: Ricardo Janota, Moufi, Tomás Cardoso (júnior), Hélder Tavares, Joca, Harramiz e Pipo (júnior).
  • SUBSTITUIÇÕES: Heliardo por Harraniz (68’), J. Delgado por Joca (75’) e Pedro Nuno por Pipo (89’).
  • TREINADOR: Pepa.

GUIMARÃES, 4

  • Miguel Silva; Sacko, Jubal, Pedrão e Konan; Heldon, Matheus, Wakaso e Raphinha; Hurtado e Rafael Martins.
  • SUPLENTES: Douglas, João Afonso, João Aurélio, Rafael Miranda, Sturgeon, Estupiñán e Tallo.
  • SUBSTITUIÇÕES: Hurtado por Rafael Miranda (66’), Heldon por João Aurélio (78’) e Rafael Martins por O. Estupiñán (88’).
  • TREINADOR: José Peseiro.

RESULTADOS DA JORNADA 33.ª

  • Moreirense – Aves 0-3
  • Sporting – Benfica 0-0
  • Braga – Boavista 1-1
  • Porto – Feirense 2-1
  • TONDELA – Guimarães 1-4
  • Belenenses – Portimonense 3-2
  • Chaves – Marítimo 4-1
  • Estoril – Setúbal 2-1
  • P. Ferreira – Rio Ave 0-0

ULTIMA JORNADA 34.ª

  • Boavista – Belenenses
  • Rio Ave – Braga
  • Feirense – Estoril
  • Portimonense – P. Ferreira
  • Aves – Chaves
  • Benfica – Moreirense
  • Guimarães – Porto
  • Marítimo Sporting
  • Setúbal – TONDELA

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


Traduzir »