COVID-19: CÂMARA DE TONDELA SUSPENDE GRANDE PARTE DAS SUAS ACTIVIDADES

A Câmara de Tondela anunciou hoje que vai suspender, até 06 de Abril, o funcionamento de grande parte das suas iniciativas e actividades e implementar novas medidas em algumas das instalações municipais, devido à doença Covid-19.

Em comunicado, o presidente da Câmara de Tondela, José António de Jesus, refere que decidiu fechar os pavilhões de Tondela, Campo de Besteiros e Caramulo, as piscinas de Tondela e Campo de Besteiros, e o atendimento do Turismo, Museu Terras de Besteiros e núcleos museológicos e da biblioteca.

O autarca refere que até 06 de Abril (inclusive) não se realizará a feira semanal de Tondela e sugere “que tal medida seja observada nas feiras locais de Lajeosa do Dão, Campo de Besteiros e São João do Monte”.

“Tendo presente a situação de pandemia, a situação de crise emergente, a fragilidade social e emocional a que muitas famílias e concidadãos estarão sujeitos, importa reforçar todos os instrumentos de apoio social e psicológico”, considera.

Neste âmbito, será reforçado o trabalho em assistência telefónica, “em todos os domínios onde tal seja possível, restringindo o atendimento presencial, fomentando o reforço do sistema de comunicação e resposta electrónica aos munícipes”.

“O apoio social eventualmente decorrente desta situação que venha a ser necessário deverá ser equacionado junto das redes de apoio social, incluindo o município, o que poderá determinar instrumentos e medidas para responder a tais solicitações”, acrescenta.

Segundo José António de Jesus, sempre que sejam necessárias reuniões relativas às redes das comissões municipais de protecção civil ou rede social, estas “devem ser promovidas preferencialmente em regime de teleconferências ou videochamada”.

“Será ainda feita restrição ao atendimento presencial nos vários serviços, incluindo da administração autárquica”, e “restrita a presença dos membros do órgão executivo em representação do mesmo”, em eventos e reuniões dentro ou fora do concelho, acrescenta.

O autarca explica que, em caso de necessidade, “as reuniões do órgão executivo ocorrerão em regime de videochamada ou por outros meios digitais”.

Do mesmo modo, também a Escola Profissional de Tondela suspendeu as suas actividades lectivas.

Nos outros concelhos do distrito de Viseu e noutros distritos, os municípios, igualmente, suspenderam as suas actividades, à semelhança do que se faz, agora, em Tondela.

As dioceses de Viseu e de Lamego, através dos seus bispos, restringiram as suas actividades pastorais em todos os sentidos e o mesmo deverá acontecer em todas as outras dioceses do país.