CD TONDELA: Excelente equipa para um Campeonato de Portugal

No seu primeiro jogo em casa, perante o seu público, o Desportivo de Tondela, agora comandado por espanhóis, foi o reflexo de uma equipa que, naturalmente, se mostrou óptima para um Campeonato de Portugal.

Com efeito, o Tondela, treinado por um técnico desconhecido dos portugueses, neste embate com o experiente Portimonense, este sim, orientado por um magnífico treinador, não deu sinais de que tinha equipa para se bater, com denodo e eficácia, com qualquer conjunto da I Liga.

Além de que, as verdadeiras cores e feitios dos equipamentos, deixam muito a desejar, pois se o equipamento não é todo amarelo, também pode ser todo verde, quando, na verdade, as cores naturais, são, camisola às riscas verdes e amarelas e calção preto, enquanto as meias eram também verdes com riscas amarelas horizontais.

Mas deixemos o equipamento, para falar no jogo, em si, que foi mau de mais para agradar aos tondelenses de Tondela que, como pediu o técnico espanhol, compareceram em força, no Estádio João Cardoso.

Começando por ter algum ascendente, com jogadas de belo efeito, mas sempre sem eficácia, a equipa da Beira Alta e do interior do país, foi permitindo que, paulatinamente, os algarvios se aproximassem com  perigo da baliza defendida por Cláudio Ramos.

Dessas incursões venenosas, nasceu o primeiro golo do Portimonense, aos 36 minutos, por intermédio de Aylton Boa Morte e, já em cima do intervalo, quase sentencia a partida, com a obtenção do seu segundo golo, desta vez por intermédio de Iury que, do vértice da área, do lado esquerdo, remata para as malhas, com a bola a entrar entre Cláudio Ramos e o poste esquerdo da baliza.

Tudo facilitado, por uma linha defensiva, cuja valia está a “anos-luz” daquela que, na última época, se mostrou mais poderosa e atenta.

O segundo tempo não trouxe nada de novo, à equipa auriverde, onde se nota bem a falta de Tomané. Os ataques dos locais não iam criando perigos de maior aos algarvios, que souberam segurar o resultado quase até final, pois o ponto de honra auriverde, só surgiu aos 85 minutos, por intermédio de Richard Rodrigues e já praticamente sem tempo para, pelo menos, empatarem a partida.

Enquanto isso, os jogadores algarvios, matreiros e experientes, iam queimando tempo, ou demorando a repor o esférico, caso do guarda-redes, ou a atirarem-se para o relvado, com o árbitro, primeiramente, a condescender e, depois, a não permitir a entrada, constante, da equipa médica, mandando levantar os atletas.

E assim, de demora em demora, a vitória do Portimonense foi garantida, porque, além de manha, a equipa também mostrou eficácia e essa, não foi o forte do Desportivo de Tondela.

Com este resultado os auriverdes seguem com um ponto conquistado, agora em duas rondas, seguindo já nesta terça-feira a preparação para a terceira jornada que traz na “ementa” uma deslocação ao reduto do Marítimo da Madeira.

  • JOGO: Estádio João Cardoso, Tondela
  • ASSISTÊNCIA: Cerca de 3.000 espectadores
    ÁRBITRO: Hugo Miguel
  • ÁRBITROS ASSISTENTES: Ricardo Santos, Bruno Jesus
  • 4.º ÁRBITRO: João Bento
  • VAR/AVAR: Tiago Martins e Pedro Mota
  • DISCIPLINA: Cartão amarelo a Bruno Wilson (82’), Iury (90’+3’)
  • MARCADORES: 0-1 Aylton Boa Morte, 36’; 0-2 Iury, 45’ ;1-2 Richard Rodrigues, 84’

CD TONDELA, 1

  • Cláudio Ramos, Moufi ,Bruno Wilson, Yohan Tavares, Filipe Ferreira (João Vigário, 69), Pedro Augusto (Pité, 46), Pepelu, João Pedro (Xavier, 60), Jhon Murillo, Jonathan, Richard Rodrigues.
  • SUPLENTES: Diogo Silva, João Vigário, Philipe Sampaio, Pité, Jaquité, Rubilio Castillo, Xavier;
  • TREINADOR: Natxo González.

PORTIMONENSE, 2

  • Ricardo Ferreira, Henrique, Willyan, Jadson, Anzai, Aylton Boa Morte (Hackman, 90+1), Pedro Sá, Romulo, Bruno Tabata (Rodrigo, 87), Cevallos (Dener, 74) e Iury.
  • SUPLENTES: Gonda, Hackman, Dener, Rodrigo, Marlos, Luquinhas, José Gomes
  • TREINADOR: Antóno Folha

RESULTADOS DA 2.ª JORNADA

  • Aves – Marítimo 3-1
  • Belenenses – Benfica 0-2
  • Famalicão – Rio Ave 1-0
  • Porto – Setúbal 4-0
  • Ferreira – Santa Clara 0-1
  • Guimarães- Boavista 1-1
  • Moreirense – Gil Vicente 3-0
  • Sporting – Braga 2-1
  • TONDELA – Portimonense 1-2

PRÓXIMA JORNADA (3.ª)

  • Benfica – Porto
  • Boavista – P. Ferreira
  • Gil Vicente – Braga
  • Guimarães – Famalicão
  • Marítimo – TONDELA
  • Portimonense – Sporting
  • Rio Ave – Aves
  • Santa Clara – Belenenses
  • Setúbal – Moreirense

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


Traduzir »