TONDELA ELIMINA ESTORIL e segue em frente na Taça de Portugal

O CD Tondela está na próxima eliminatória da Taça de Portugal depois deste domingo ter ido ao Estádio António Coimbra da Mota vencer o Estoril Praia por 4-3 após desempate da marca de grande penalidade, com Cláudio Ramos em grande…

Num duelo que já se previa equilibrado, os auriverdes reagiram da melhor forma ao golo estorilista aos 54 minutos, com Tomané a estabelecer a igualdade aos 59′, apenas três minutos depois do ponta de lança ter entrado em jogo.

Até ao términus dos 90 minutos regulamentares o conjunto orientado por Pepa teve várias ocasiões para fechar a eliminatória mas o prolongamento acabou por surgir. Nos 30 minutos adicionais voltou a estar melhor o CD Tondela, mas as decisões foram adiadas para o desempate da marca dos 11 metros, onde os auriverdes foram mais competentes, acabando por vencer por 4-3, com Cláudio Ramos a parar dois remates dos canarinhos.

Com este resultado o CD Tondela está qualificado para a 4.ª eliminatória da Taça de Portugal e acabou com a malapata dos encontros frente ao GD Estoril Praia, onde nunca tinha vencido até agora, ficando agora à espera de adversário na próxima fase da “Prova Rainha”, onde também se encontra o Lusitano de Vildemoinhos, únicos representantes do distrito nesta competição.

O foco do plantel está já focado na partida do próximo domingo (28 de Outubro), com a recepção no Estádio João Cardoso ao Vitória de Setúbal. Jogo marcado para as 15h00, com os bilhetes a terem um custo de €5 para sócios e €10 para não sócios.

  • JOGO: Estádio António Coimbra da Mota, Estoril
    ÁRBITRO: Nuno Almeida
  • ACÇÃO DISCIPLINAR: Cartão amarelo para Filipe Soares (10′), Diakhité (19′), Ricardo C. (24′), Delgado (36′), B. Monteiro (61′), Gonçalo Santos (65′), João Pedro (81′), David (95′), Pité (112′)
  • MARCADORES: 1-0 Aylton Boa Morte, 54′ e 1-1, Tomané, 59′
  • ESTORIL, 3
  • Igor; Filipe Soares, Diakhité, João Pedro, João Vigário (Furlan, 100′), Gonçalo Santos (Pedro Queirós, 83′), Wallyson, Gustavo Costa (Marcos António, 68′), Aylton Boa Morte (Dadashov, 79), Sandro Lima, Roberto.
    SUPLENTES: César, Dadashov, Marcos António, Diney, Pedro Queirós, Matheus Nunes e Furlan.
    TREINADOR: Luís Freire
  • TONDELA, 4
  • Cláudio Ramos; David, Ícaro Silva, Ricardo C., João Reis, H. Tavares, B. Monteiro, Delgado (Pité, 91′), Xavier (Jaquité, 113′), S. Peña (J. Murillo, 56), Chicho (Tomané, 56′).
    SUPLENTES: Pedro S., Jaquité, Pité, J. Murillo, Tomané, Joãozinho, Jorge F.);
    TREINADOR: Pepa
  • Penáltis:
    0-0, Tomané (defesa do guarda-redes do Estoril Praia) 
    1-0, João Pedro 
    1-1, David. 
    2-1, Sandro Lima
    2-2, Pité. 
    2-2, Marcos António (defesa de Cláudio R.) 
  • 2-3, Ícaro Silva. 
    3-3, Wallyson
    3-4, Ricardo C. 
    3-4, Furlan (defesa de Cláudio R.) 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


Traduzir »