IMAGENS DA TRAGÉDIA PROVOCADA PELO CICLONE IDAI EXPOSTAS EM TONDELA

Imagens da tragédia provocada pelo ciclone Idai em Moçambique, captadas pelas lentes do fotojornalista Tiago Miranda, estarão expostas em Tondela, a partir deste sábado (8/2), no âmbito de um projecto que visa aproximar comunidades escolares.

“O dia em que a terra se fez mar”, que ficará patente na ACERT até ao final de Março, integra 26 fotografias de Tiago Miranda, acompanhadas por textos explicativos.

“Olhamos e podemos ter a tendência de ficar no primeiro plano de compreensão da fotografia e muitas daquelas fotografias têm um segundo e um terceiro plano”, disse José Tavares, da direcção da ACERT, em conferência de imprensa, realizada esta quinta-feira (6/2).

Segundo José Tavares, quando Tiago Miranda esteve em Tondela falou que pretendia fazer um livro com estas fotografias e estes textos com o objectivo de recolher fundos para uma entidade de Moçambique.

“Nós tínhamos acabado de chegar nessa altura de Moçambique, onde fizemos um projecto solidário com a Escola Secundária da Manga, na Beira”, lembrou, acrescentando que, dessa junção de vontades, surgiu o lançamento do livro, que acontecerá sábado.

José Tavares disse que “os valores da receita serão entregues à Escola Secundária da Manga, para uma obra específica”, que provavelmente será a reconstrução de um depósito de água.

“Este projecto é um conjunto de relações que queremos estabelecer entre as várias entidades, as várias escolas e alunos de Tondela com alunos da Beira”, frisou Ilda Teixeira, da equipa de coordenação da programação da ACERT.

Em Outubro, a ACERT fez uma digressão a Moçambique, onde apresentou quatro espectáculos e estreitou laços com aquela escola secundária.

Ilda Teixeira lembrou que, na bagagem para Moçambique, os representantes da ACERT levaram dezassete computadores comprados com donativos recolhidos pelas escolas de Tondela, secundária Alves Martins de Viseu e Centro Hospitalar Tondela Viseu, de forma a que, os alunos da Escola Secundária da Manga, pudessem voltar a ter aulas de informática.

Na bagagem de regresso, trouxeram cadernos feitos pelos alunos da Beira para os alunos de Tondela, acrescentou.

O objectivo deste projecto solidário é criar uma ligação entre as comunidades escolares de Tondela e da Beira.