JORNALISTA ZÉ BEIRÃO HOMENAGEIA FUNDADOR DO JORNALISMO DE TONDELA

“Alvorecer da Imprensa de Tondela” – um livro histórico para ler e guardar !

“Alvorecer da Imprensa de Tondela” é o título do livro da autoria do jornalista Zé Beirão, que foi apresentado no último sábado, dia 20 de Janeiro, no Mercado Velho de Tondela.

José Valle de Figueiredo, director do jornal mais antigo do distrito de Viseu – a Folha de Tondela – procedeu à apresentação da obra, que considera ser “também ela História”. “Aqui recordamos tudo quanto vivemos, já que as publicações referidas, disso mesmo deram fé, razão e fidelidade”, apontou.

Já o presidente da Câmara de Tondela, José António de Jesus, realçou que esta obra, que o autor levou cerca de seis anos a compilar, é um importante instrumento para a história local. “Não por ser um livro histórico ou sociológico, mas porque retracta a voz da população. A imprensa local era porta-voz da população”, frisou.

Na sua intervenção, o presidente da Câmara de Tondela congratulou-se ainda por, 128 anos depois, o concelho ter órgãos de comunicação ao serviço da informação, pluralidade e consciência interventiva.

Já o autor do livro, Joaquim Duarte Pereira – que todos conhecem por Zé Beirão – destacou que o seu mais recente trabalho aborda “um século de história na imprensa de Tondela”, que, até à data, nunca tinha sido escrita, sendo evocado aquele que considera ser o fundador do jornalismo em Tondela, Alexandre de Castro Coelho.

Durante a cerimónia de lançamento do livro, a poetisa Filipa Duarte recitou alguns poemas alusivos a Tondela, insertos na imprensa histórica, seguindo-se depois uma visita à exposição de fotografias e desenhos, também eles da autoria de Zé Beirão, que se revela um autodidacta das artes plásticas, pois não frequentou qualquer Escola das Belas Artes.

Esta exposição estará patente ao público até dia 17 de Fevereiro, no Mercado Velho, em Tondela.