PRESIDENTE DO MUNICÍPIO DE TONDELA TITULA DE “COBARDIA E MALVADEZ” de quem manipulou mapas de vencimentos

O Presidente da Câmara Municipal de Tondela acredita que “alguém terá feito a manipulação de dados”, com claros intuitos de atingir a sua honra e dignidade.

José António de Jesus escreveu esta manhã (25 de Janeiro) na sua página de facebook, que “essa ou essas pessoas, com o intuito, motivos ou fins que todos perceberão, construíram um mapa dos meus vencimentos onde manipularam a informação”.

O autarca de Tondela reagia assim à reportagem transmitida ontem à noite pela TVI, que apontava para um “esquema fraudulento”, onde ajudas de custo, alegadamente inventadas, fizeram disparar o vencimento de José António de Jesus, sendo que em alguns casos, o seu salário duplicou e ultrapassou o salário do primeiro-ministro, que é de 4.000 euros.

A TVI garantia ontem, nessa mesma reportagem, ter tido acesso a documentos internos da autarquia tondelense que provam um “esquema fraudulento que, em alguns meses, permitiu ao autarca ganhar mais de 4.500 euros líquidos, justificados com despesas fictícias”.

  • Jornalista da TVI não se informou da
  • “veracidade dos documentos”

Na sequência desta reportagem, José António de Jesus diz sentir-se “triste e indignado” acrescentando que lhe assiste “o direito de proceder pelos meios legais”, já que na sua perspectiva a jornalista responsável pela peça “devia ter-se certificado da veracidade dos documentos”.

Ao mesmo tempo, o Presidente da Câmara Municipal de Tondela afirma estar “com vontade reforçada de lutar contra a cobardia e a malvadez”.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


Traduzir »